Programa Bandeirantes Acontece – Rádio Bandeirantes

O diretor técnico da Mitsidi Alexandre Schinazi foi entrevistado pela Rádio Bandeirantes no programa Bandeirantes Acontece neste domingo dia 17 de janeiro e deu dicas de como economizar energia e reduzir a conta de luz.

Numa entrevista com participação ativa dos ouvintes que durou quase meia hora Alexandre Schinazi respondeu a algumas das dúvidas mais comuns da grande maioria de usuários de energia elétrica que buscam alternativas para reduzir o valor pago na conta de luz.

Priorização na Eficiência Energética

As perguntas do público evidenciaram que o brasileiro em geral tem se interessado bastante pelo tema de eficiência energética uma vez que os custos com energia são altíssimos no país. As preocupações mostradas pelo público demonstram, porém que nem sempre o cidadão comum tem noção de quais são aqueles consumos que realmente influenciam na conta de energia e quais são desprezíveis.

Muito se falou sobre o consumo dos carregadores de celular, que é muito baixo quando comparado ao consumo de outros aparelhos residenciais como o Ar condicionado e a geladeira. Essa preocupação exagerada por cargas pequenas é vista frequentemente até em pessoas que trabalham com o tema, indústrias que realizaram revisões energéticas para a obtenção da ISO 50.001 às vezes falam com orgulho de como se preocuparam com o consumo de cargas que na prática podem ser consideradas desprezíveis. A Mitsidi defende sempre a priorização para definir em quais áreas de consumo devem ser concentrados os esforços.

Geração de energia no País

No programa da rádio bandeirantes, a conversa extrapolou a área de eficiência energética do consumo e chegou na geração de energia.

Alexandre Schinazi foi perguntado sobre a posição do Brasil na geração de energia limpa em especial a energia Eólica e Solar. O tema tem grande relevância para a segurança energética nacional e mitigação de impactos ambientais de geração. Nós da Mitsidi sempre reforçamos como esse tema é diferente da eficiência energética na redução do consumo e não deve ser confundido.

Gerar mais energia limpa é uma meta que o país deve perseguir, porém isso não tem relação direta com eficiência energética. Por exemplo a geração fotovoltaica, não garante eficiência energética.

O melhor caminho para reduzir os impactos ambientais relativos à geração de energia é a racionalização do consumo e não a geração de energia limpa por si só.

Veja o áudio completo da entrevista ao programa Bandeirantes Acontece